A belíssima Amsterdam e seus brechós vintage | Blog Moody | Moody Store

A belíssima Amsterdam e seus brechós vintage | Blog Moody

Publicado: 27/07/2018



          Muita gente conhece essa cidade como a “capital da loucura”; a veneza do Norte Europeu; ou, até mesmo, a casa de Anne Frank por alguns anos... 


          Já sabe de qual cidade eu tô falando?! Se você pensou Amsterdam, você está completamente certo! 

          A capital da Holanda, é uma cidade artisticamente rica, com váaaarias opções de museus, muita vida noturna, e MUITOS estilos diferentes. Diria até mesmo que é uma cidade muito livre, não somente nos quesitos já muito conhecidos, mas também em estilo de vida e moda.

          Você percebe que as pessoas se vestem como querem, como se sentem naquele momento. E nessa época de julho em que o calor está de matar por aqui também: muito confortavelmente e com roupas bem leves! 

          Chegamos na cidade no dia do meu aniversário, e nesse dia, eu queria algo um pouco mais versátil e casual, então optei por uma regata preta da H&M e a calça príncipe de galês - que não sai do meu corpo! - aqui da Moody. 


Encontre a calça príncipe de galês aqui.

          Confesso também que o que mais vi foram macacões e salopetes larguinhas, achei até mesmo algumas no mesmo estilo das que temos aqui na loja! Na maioria das vezes acompanhadas de algum tênis branco, Dr Martens ou sandálias no estilo flatform. 

          E adivinha só?! No meu segundo dia lá, sai exatamente desse jeito! Com o lindíssimo do macacão simple da Moody e sandálias flatform!

Encontre o macacão simple aqui.

          Durante minha passagem, não visitei um, nem dois, mas sim 4 brechós ma-ra-vi-lho-sos pelas entranhas dessa cidade tão encantadora!

          Meu namorado queria porque queria encontrar uma duffel bag daquelas gigantescas e redondas. E eu claro, só queria andar pelos brechós e experimentar quase tudo que eu achava pela frente!

          O primeiro brechó que achamos foi o Bij Ons Vintage. 

Bij Ons Vintage

          Na verdade, existem dois do mesmo no centro de Amsterdam. E os dois tem uma grande variedade de roupas vintage femininas e masculinas. Minha parte preferida foram as MUITAS bomber jackets dos anos 80 que eles tem em uma das lojas. Também adorei as bandanas que eles tinham por lá!

          Seguimos então pra Episode. Já era quase o horário de fechar, então não passamos muito tempo nela. Essa loja é, na verdade, um tipo de rede com lojas em vários locais da Europa (Paris, Bruxelas, Antuérpia, etc). Do pouco que vi, por causa do horário de fechar, eles tem muita variedade, principalmente muitas jaquetas e calças jeans vintage. Nessa, compramos um óculos no estilo “flip up”, daqueles que são duas lentes.

Episode

          Já no outro dia, fomos primeiro em um brechó chamado Bis!. Ele fica quase, se não realmente já dentro, do Redlight District, mais conhecido como o distrito dos “glass alleys” de Amsterdam, onde você vê as tão faladas vitrines com as prostitutas. São basicamente 3 lojas uma do lado da outra. Uma feminina, uma masculina e a mais divertida de se olhar: uma somente com roupas retrô da marinha e do exército! Confesso que passei muito tempo nessa... e ah, os sapatos vintage femininos são maravilhosos também! 


Bis!

          Depois, achamos o Mood Indigo. O qual eu tenho certeza que teve o nome inspirado ou no filme francês de mesmo nome (inclusive recomendo, assistam!), ou na música do famoso compositor Duke Ellington. 

Mood Indigo, de Michel Gondry - 2013

Essa é a música, se quiserem escutar:



          Bom, essa foi a loja em que eu passei mais tempo, pois achei vários vintage jeans de cintura alta que eram do meu tamanho - PP, P... achar calça jeans de cintura alta que sirva em mim é sempre um sofrimento! Enfim, achei então uma que adorei e comprei ela. Ela tem algumas manchinhas de uso mas acredito que faça parte do charme dela. Saí de lá felizíssima com minha calça nova de $39 euros (mais ou menos 169 reais).


          Ao todo ficamos 3 dias em Amsterdam, o que não é o suficiente pra ver tudo na cidade, nem de perto! Essa viagem foi algo mais de última hora e não muito planejada, então o que mais fizemos foi andar sem rumo! O que às vezes acaba sendo super interessante também.

          Fomos na casa da Anne Frank, mas não conseguimos entrar pois estava esgotado até agosto! Então, essa é uma dica importante que eu dou pra vocês: se querem entrar, comprem com antecedência, pelo menos uns 2 meses antes. Não fomos em nenhum museu, mas os que eu mais queria ir eram o Stedelijk Museum, o Sex Museum e o Hash, Marihuana & Hemp Museum. O Stedelijk é um museu de arte e design moderno contemporâneo. Já os dois últimos são bem auto-explicativos, né?! Hehe, são também bem rápidos de se ver pois não são muito grandes, pelo que ouvi falar. 

Anne Frank House

          Ah! Não deixem de ir ao Bloemenmarkt também, é o mercado de flores perto de um dos canais! Quando fui não haviam muitas flores mas acredito que na primavera tenha mais. 

          Por hoje é só, galera! Mal posso esperar pra contar mais histórias e dicas pra vocês na semana que vem. Aqui vai uma última fotinho de Amsterdam pra vocês ficarem com mais vontade ainda de visitar esse lugar!



Falo com vocês numa próxima!

Nos sigam no instagram @moodyoficial e nos digam o que estão achando dos posts no blog! Ou nos mande um e-mail em contato@moodystore.com.


Por Natasha Campi @natashacampi


Voltar